composição

Cada 100 mL contém:

Acetonido de triancinolona .................................................. 0,2 g
Veículo q.s.p. ..................................................................... 100,0 mL

Indicação:

 Indicado nas inflamações causadas por infecções, alergias, traumatismos e outras etiologias.

Em bovinos é indicado também na cetose.

Espécies:

Bovinos, Equinos, Caninos, Felinos.

 Modo de usar:

Administrar o produto através de injeção intramuscular:

Equinos: 0,01 a 0,02 mL de RETARDOESTERÓIDE por kg de peso corporal em dose única (faixa de 6 a 10 mL do produto por animal).

Cães e gatos: 0,05 a 0,10 mL de RETARDOESTERÓIDE por kg de peso corporal em dose única. A remissão pode se dar ao fim de 5 a 15 dias. Se os sintomas persistirem, pode-se repetir a dose.

Vacas leiteiras: para tratamento da cetose, por via intramuscular, administrar uma dose única de 10 mL de RETARDOESTERÓIDE por animal. Se não houver resposta em 24 horas, reconsiderar o diagnóstico.

Em alguns animais, os sintomas retornam em um intervalo de 4 a 40 dias após o tratamento. Nestes casos, repetir a dose.

Via intra-articular ou intra-sinovial (em artrites):

Equinos: 3 a 9 mL de RETARDOESTERÓIDE em dose única. A dose poderá ser repetida 3 a 4 dias após, se houver necessidade.

Cães e gatos: 0,5 a 1,5 mL de RETARDOESTERÓIDE em dose única. A dose poderá ser repetida 3 a 4 dias após, se for necessário.

Período de Carência:

Não administrar em fêmeas leiteiras produzindo leite para consumo humano.
Não administrar em equinos cuja carne seja destinada ao consumo humano.
Não abater o animal tratado antes de decorridos 21 dias após o final do tratamento.

RETARDOESTERÓIDE - HERTAPE

RETARDOESTERÓIDE - HERTAPE

composição

Cada 100 mL contém:

Acetonido de triancinolona .................................................. 0,2 g
Veículo q.s.p. ..................................................................... 100,0 mL

Indicação:

 Indicado nas inflamações causadas por infecções, alergias, traumatismos e outras etiologias.

Em bovinos é indicado também na cetose.

Espécies:

Bovinos, Equinos, Caninos, Felinos.

 Modo de usar:

Administrar o produto através de injeção intramuscular:

Equinos: 0,01 a 0,02 mL de RETARDOESTERÓIDE por kg de peso corporal em dose única (faixa de 6 a 10 mL do produto por animal).

Cães e gatos: 0,05 a 0,10 mL de RETARDOESTERÓIDE por kg de peso corporal em dose única. A remissão pode se dar ao fim de 5 a 15 dias. Se os sintomas persistirem, pode-se repetir a dose.

Vacas leiteiras: para tratamento da cetose, por via intramuscular, administrar uma dose única de 10 mL de RETARDOESTERÓIDE por animal. Se não houver resposta em 24 horas, reconsiderar o diagnóstico.

Em alguns animais, os sintomas retornam em um intervalo de 4 a 40 dias após o tratamento. Nestes casos, repetir a dose.

Via intra-articular ou intra-sinovial (em artrites):

Equinos: 3 a 9 mL de RETARDOESTERÓIDE em dose única. A dose poderá ser repetida 3 a 4 dias após, se houver necessidade.

Cães e gatos: 0,5 a 1,5 mL de RETARDOESTERÓIDE em dose única. A dose poderá ser repetida 3 a 4 dias após, se for necessário.

Período de Carência:

Não administrar em fêmeas leiteiras produzindo leite para consumo humano.
Não administrar em equinos cuja carne seja destinada ao consumo humano.
Não abater o animal tratado antes de decorridos 21 dias após o final do tratamento.